Sousa/PB -
Balanço

Operação para recapturar fugitivos de Mossoró custou quase R$ 2,5 milhões

O custo total da operação pode ser ainda mais elevado, uma vez que não foram divulgados os gastos da Polícia Rodoviária Federal nas buscas.

Da Redação Repórter PB

02/04/2024 às 13:55

Imagem Fugitivos de Mossoró

Fugitivos de Mossoró ‧ Foto: Divulgação

Tamanho da fonte

O Governo Federal já gastou R$ 2.491.911,78 milhões na missão de recapturar os detentos Deibson Cabral Nascimento e Rogério da Silva Mendonça, fugitivos da penitenciária federal de segurança máxima de Mossoró (RN) desde 14 de fevereiro.

Os dados foram obtidos pelo R7 por meio da Lei de Acesso à Informação. Nesta terça-feira, completam-se 49 dias desde a fuga dos criminosos.

Mais de 500 agentes, helicópetros, drones, cães, foram utilizados para tentar localizar os fugitivos, mas eles não foram encontrados. As buscas nas imediações do presídio foram encerradas na última sexta-feira (29) e segue agora através da inteligência da PF.

O custo total da operação pode ser ainda mais elevado, uma vez que não foram divulgados os gastos da Polícia Rodoviária Federal nas buscas.

Fonte: R7

Ads 728x90

QR Code

Para ler no celular, basta apontar a câmera

Comentários

Aviso Legal: Qualquer texto publicado na internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste site ou de seus autores e é de responsabilidade dos leitores que publicam.