Sousa/PB -
Estudantes

Governador em exercício recebe aprovados no Sisu e atribui conquista aos investimentos feitos na educação paraibana

De acordo com um levantamento, ainda parcial, da Secretaria de Estado da Educação, 102 estudantes conquistaram o primeiro lugar no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) deste ano.

Por Redação do Reporterpb

01/03/2024 às 15:25

Imagem Governador em exercício recebe aprovados no Sisu e atribui conquista aos investimentos feitos na educação paraibana

Governador em exercício recebe aprovados no Sisu e atribui conquista aos investimentos feitos na educação paraibana ‧ Foto: Divulgação

Tamanho da fonte

O governador em exercício Lucas Ribeiro recebeu, na manhã desta sexta-feira (1°), em João Pessoa, estudantes da Rede Estadual de Ensino aprovados em universidades de todo o País — grande parte deles em primeiro lugar. Na ocasião, Lucas destacou as ações do Governo da Paraíba para melhorar cada vez mais a qualidade do ensino público, oferecendo oportunidades iguais a todos os paraibanos.

De acordo com um levantamento, ainda parcial, da Secretaria de Estado da Educação (SEE), 102 estudantes conquistaram o primeiro lugar no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) deste ano. Outro número que merece ser destacado é a quantidade de redações de excelência produzidas pelos alunos da Rede Estadual de Ensino — foram 548 redações que obtiveram notas acima de 900 pontos. Vinte redações conseguiram 980 pontos, o que significa dizer que pelo menos um dos avaliadores deu nota 1000 ao texto.

Durante o encontro com os 20 estudantes de diversos municípios, o governador em exercício externou sentimento de felicidade pelos resultados no Sisu deste ano. "Um momento muito feliz estar com esses estudantes — a maior parte deles aprovados em primeiro lugar na UFPB, na UFCG e também na UEPB. Isso é uma prova de que, apesar dos desafios, estamos no caminho certo. São mais de 20 mil aprovados, ficamos com a quarta colocação no País, primeiro lugar no Nordeste. Estamos trabalhando em várias frentes pela educação paraibana", disse.

Para Lucas Ribeiro, o aperfeiçoamento das políticas públicas no fortalecimento da educação paraibana tem sido fundamental na conquista desses resultados. "Desenvolvemos projetos como o 'Se Liga no Enem', o 'Redação Notal Mil'. Aliado a tudo isso, valorizamos o professor, o grande responsável por essas conquistas. Temos Prêmios como Escola de Valor e Mestres da Educação como exemplos desse estímulo, dessa valorização", observou.

Avaliação feita também pelo secretário da SEE, Roberto de Souza. "Esses bons resultados envolvem a atuação coordenada de muitos atores — e aqui eu destaco o papel dos professores que, lá na ponta, fazem a diferença na vida de cada aluno, construindo alternativas e soluções", comentou.

Entre tantas histórias, o governador em exercício Lucas Ribeiro conheceu a de Jennifer Araújo, de 18 anos. Aprovada em primeiro lugar em Biologia (UEPB), Jennifer, que tem Transtorno do Espectro Autista (TEA), enfrentou uma longa batalha contra a turma que achava que ela não conseguiria. "Eu estudava numa escola particular, mas me sentia invisível. Quando eu cheguei na escola pública, da rede estadual, fui bem acolhida. Agora, quero me formar e retribuir tudo o que recebi de bom na Escola Orlando Cavalcanti Gomes. Agradeço especialmente ao professor João Marcos e toda a sua equipe", disse.

Orgulho para a dona de casa Terezinha Araújo, mãe de Jennifer. "Quando soube que a minha filha tinha passado em primeiro lugar, senti como uma benção, fiquei bastante emocionada. Já tinha a expectativa de que iria dar tudo certo, mas a alegria foi maior do que a gente pensou. Não tenho dúvida de que o apoio que minha filha recebeu nessa escola, que é pública, foi muito importante para ela", externou.
 
Rikeneddy Barbosa, também de 18 anos, é o primeiro de uma família de três irmãos a entrar numa universidade. Ele sempre estudou em escola pública. "Quando vi que tinha sido aprovado em Química (UFPB) em primeiro lugar, fiquei muito feliz. A expectativa agora é um bom curso, aprender bastante e continuar estudando, pois o meu foco é a perícia da Polícia Civil", contou, ressaltando a importância de ter participado do "Se Liga no Enem" e "Desafio Nota Mil".

Clara Ribeiro da Silva, de 18 anos, foi aprovada no curso de Fisioterapia na UFPB, também em primeiro lugar. Sempre estudou em escola pública e atribui a conquista a toda a estrutura que encontrou na Rede Estadual de Ensino. "É um momento incrível. Sempre quis fisioterapia e por isso que estou muito feliz com essa conquista. A escola me ajudou muito — os professores, o foco total no Enem, nem parecia que eu estava estudando numa escola pública", disse a egressa da Escola Cidadã Integral (ECI) Pedro Lins Vieira de Melo, localizada no bairro de Mangabeira, na Capital.

Se os cursos são diversos, a história de vida deles tem algo em comum — a grande parte é o primeiro da família a conquistar uma vaga no ensino superior.

O encontro do governador em exercício Lucas Ribeiro com os alunos aprovados no Sisu foi acompanhado, ainda, pela secretária-executiva de Gestão Pedagógica Elizabeth Araújo, além de diversos gestores e escolas e os gerentes regionais de ensino. Entre os demais estudantes, aprovados em cursos como Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Pedagogia, Ciências da Computação e Cinema.

Iniciativas que dão resultados — A expansão de escolas no sistema de tempo integral demonstra que a iniciativa vem dando certo. O levantamento mostra que 80% dos alunos que conseguiram aprovação em primeiro lugar no Sisu são oriundos de escolas que adotam esse modelo de ensino. As Paraíba, inclusive, tem a segunda maior proporção (55%) de alunos do ensino médio em escolas de tempo integral, de acordo com o Censo Escolar 2023.

Paralelamente a toda essa estrutura, o Governo da Paraíba tem adotado outras iniciativas que têm refletido no sucesso dos estudantes da Rede Estadual de Ensino no Sisu. Ainda de acordo com o levantamento, 70% dos aprovados no Sisu 2024 em primeiro lugar participaram dos programas "Se Liga no Enem" e "Desafio Nota Mil". O "Se Liga no Enem" funciona como um curso preparatório online para estudantes egressos da Rede Estadual de Ensino e conta com aulões, simulados online, eventos presenciais e vídeo-aulas, tudo visando à preparação do aluno para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Já o "Desafio Nota Mil" é um projeto desenvolvido pela SEE voltado à preparação e treinamento dos estudantes para a Redação do Enem. Nesta edição, foram mais de 30 mil redações produzidas e 745 professores envolvidos nas correções dos textos.

Fonte: Secom

Ads 728x90

QR Code

Para ler no celular, basta apontar a câmera

Comentários

Aviso Legal: Qualquer texto publicado na internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste site ou de seus autores e é de responsabilidade dos leitores que publicam.