Sousa/PB -
medelha

ALPB concede medalha Epitácio Pessoa ao desembargador Roberto Wanderley Nóbrega

Em relação à outorga da Medalha, Wilson Filho ressaltou a importância de reconhecer e honrar indivíduos que se destacam em suas respectivas áreas de atuação.

Da Redação Repórter PB

01/03/2024 às 11:42

Imagem Atual desembargador federal do Tribunal Federal Regional da 5ª Região (TRF5), Roberto Wanderley tem uma trajetória de 43 anos

Atual desembargador federal do Tribunal Federal Regional da 5ª Região (TRF5), Roberto Wanderley tem uma trajetória de 43 anos ‧ Foto: divulgação

Tamanho da fonte

Na manhã desta sexta-feira (1°), a Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) concedeu a Medalha Epitácio Pessoa ao desembargador Roberto Wanderley Nogueira. A homenagem, proposta pelo deputado Wilson Filho, foi realizada no Plenário da Casa e contou com a presença de autoridades, magistrados, amigos e familiares do homenageado.

Em relação à outorga da Medalha, Wilson Filho ressaltou a importância de reconhecer e honrar indivíduos que se destacam em suas respectivas áreas de atuação. “Ao conceder essa medalha ao desembargador Nogueira, reconhece-se não apenas sua excelência profissional, mas também sua contribuição significativa para o campo jurídico e para a sociedade como um todo. Essa homenagem não apenas celebra as conquistas pessoais do desembargador, mas também serve como um reconhecimento público de sua dedicação e comprometimento com a justiça e o bem-estar da comunidade”, enfatizou.

Para o desembargador, receber a medalha é um dos momentos mais emocionantes da sua trajetória. “É um reconhecimento, mas é, principalmente, uma honra receber a medalha. Não só para mim, mas, tenho certeza que para todos que estão aqui comigo, prestigiando esse ato”, comemorou o homenageado.

Atual desembargador federal do Tribunal Federal Regional da 5ª Região (TRF5), Roberto Wanderley tem uma trajetória de 43 anos dedicada ao direito. Natural de Recife, Roberto Wanderley formou-se em Direito pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPB), onde também realizou seu doutorado em Direito Público. O desembargador também possui pós-doutorado na área, pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Entre 1982 e 1988, foi juiz do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), nas comarcas de Verdejante, Brejo da Madre de Deus e São Lourenço da Mata. Ainda em 1988, passou a atuar como juiz federal da 8 Vara Federal de Petrolina e, logo em seguida, foi designado para o cargo de titular da 1ª Vara Federal do Recife. Em abril de 2021, tomou posso como desembargador do TRF, onde permanece até hoje, O desembargador também é professor-adjunto da Faculdade de Direito do Recife (FDR/UFPE).

Durante a solenidade, o deputado Wilson Filho destacou o papel fundamental da Frente Parlamentar da Advocacia, uma iniciativa estabelecida no início de seu mandato na Assembleia, com o objetivo de promover debates sobre questões legais e prestar homenagem àqueles que contribuíram significativamente para o campo jurídico. Ele enfatizou a importância de reconhecer os profissionais que dedicaram suas vidas ao avanço do Direito e cujo trabalho beneficia diretamente a população, gerando resultados positivos. Como presidente dessa frente, Wilson Filho expressou sua satisfação com o progresso alcançado até o momento e reafirmou o compromisso de continuar promovendo um ambiente propício para discussões construtivas e ações que beneficiem a sociedade.

A solenidade contou com a presença do deputado federal Wilson Santiago; do juiz Fábio Araújo, representando presidente do TJPB, João Benedito; do juiz federal Sérgio Murilo Wanderley Queiroga, do conselheiro federal da OAB-PB, Paulo Maia; da ex-deputada federal Edna Henrique; além de profissionais da área do Direito, amigos e familiares do homenageado.

É possível acompanhar todas as matérias apresentadas na ALPB, assim como, todas as sessões, reuniões, solenidades e debates realizados através da TV Assembleia, pelo canal 8.2, e também pelo canal TV Assembleia PB no Youtube.

Fonte: Repórter PB

Ads 728x90

QR Code

Para ler no celular, basta apontar a câmera

Comentários

Aviso Legal: Qualquer texto publicado na internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste site ou de seus autores e é de responsabilidade dos leitores que publicam.