Sousa/PB -
queda de braço

João Azevedo atenua crise, e detona: “não vou indicar aqui quem é o melhor nome"

A trava desta confusão certamente se encontra na questão do Republicanos que reivindica a vice

Por Pereira Jr. • Articulista Polí­tico

21/06/2022 às 13:19

Ads 970x250
Imagem Governador João Azevedo buscar apagar fogo no seu Grupo Politico

Governador João Azevedo buscar apagar fogo no seu Grupo Politico ‧ Foto: divulgação

Tamanho da fonte

A queda de braço colocada na mesa de negociação para indicação na vice na chapa de reeleição do Governador João Azevedo na Paraíba, a todo momento ganha novas cenas, e capítulos emocionantes, sem apontar para um final que possa ser de fato feliz para ambos os lados. 

A disputa entre PP, e, o Republicanos pela vice de João Azevedo colocou o cenário politico paraibano em um rinha de falas, e retóricas que deixa qualquer analista politico confuso, sem entender mais nada, e imagine o povo.

Em fala nesta terça-feira (21) na Capital, o Governador, João Azevedo, declarou sobre o tema, e disse: “Não estou definindo chapa nesta entrevista. Mas essas discussões, se eu disse que estou aguardando uma lista de nomes que virão do Progressistas, não vou indicar aqui quem é o melhor nome”, deixando entender acordos pré-formados. 

A trava desta confusão certamente se encontra na questão do Republicanos que reivindica a vice, desde há muito tempo decidido apoiar a pré-candidato a  Senado de Efraim Filho, e veio o xeque mate de Aguinaldo Ribeiro na semana passada que abdicou de disputar o senado com João, e agora exige a indicação da vice.

Todos sabemos que a vice de João é a menina dos olhos da politica paraibana. Em caso de vitória de Azevedo, esse vice deva ser o próximo governador do Estado, claro em tese.

- Vamos cobra unidade sim em torno de um projeto. Não há como, logicamente, colocar uma vela pra Deus e outra para… não vou utilizar o termo diabo, para não dizer que estou chamando alguém de diabo. Você não pode atender a dois projetos políticos diferentes, disse João Azevedo na busca de atenuar o problema existente entre esses dois partidos: PP e Republicanos.

Fontes da Capital informam que Aguinaldo Ribeiro ainda poderá ser o candidato a Senador de João, caso o registro de Ricardo Coutinho ao Senado pelo PT continue inelegível.

Tenho Dito

Pereira Jr.
Editor responsável do Portal REPORTERPB, analista, articulista política, comunicador e apresentador.

 

Ads 728x90

QR Code

Para ler no celular, basta apontar a câmera

Comentários

Aviso Legal:Qualquer texto publicado na internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste site ou de seus autores e é de responsabilidade dos leitores que publicam.