Sousa/PB -
eleições 2024

Almoço sela aliança, e prospecta vice para Dr. Zé Célio em Sousa

Seis meses depois, Dr. Zé Célio estava praticamente fora do governo André Gadelha, e continuou até o final

Por Pereira Jr. • Articulista Polí­tico

26/11/2023 às 21:29

Imagem Dr. Zé Célio, ao lado do Prefeito de Sousa, Fábio Tyrone

Dr. Zé Célio, ao lado do Prefeito de Sousa, Fábio Tyrone ‧ Foto: divulgação

Tamanho da fonte

No dia 09 de outubro, esse colunista, conseguiu uma entrevista exclusiva com o Prefeito de Sousa, Fábio Tyrone, o qual na oportunidade revelou “diálogos” com o médico, Dr. Zé Célio objetivando aliança para 2024.

LEIA MAISEXCLUSIVO: Tyrone anuncia diálogo, e a chegada de Zé Célio ao seu Grupo político em Sousa; Ouça

Neste final de semana, Tyrone com agenda em João Pessoa, participou de um almoço com Dr. Zé Célio, e, afinou o diálogo formalizando oficialmente a reaproximação da liderança com seu Grupo Político. “O retorno”.

A chegada efetivamente do médico Dr. Zé Célio é no momento que o chefe de gabinete, Dr. Helder Carvalho, recebe o sinal verde para colocar seu bloco na rua como pré-candidato a prefeito, após desistência do vice-prefeito, Zenildo Oliveira.

As especulações começam a surgir no meio político para formação de uma chapa: Dr. Helder na cabeça, e Dr. Zé Célio na vice.

Uma alta fonte consultada neste domingo (26) pelo Portal REPORTERPB sobre essa possibilidade, foi clara ao confirmar da “total possibilidade” desta configuração, e que o tempo iria consolidar essa junção de forças, articulada pelo líder maior, Fábio Tyrone. 

Em 2012, Dr. Zé Célio disputou a prefeitura de Sousa como vice-prefeito na chapa com André Gadelha, e foi vitoriosa. Na época, Dr. Zé Célio assumia o mote de ‘consertar a saúde de Sousa’.

Seis meses depois, Dr. Zé Célio estava praticamente fora do governo André Gadelha, e continuou até o final.

Em 2016, conseguiu se unir no projeto de eleição com Fábio Tyrone, candidato contra André Gadelha, a pedido do então Governador, Ricardo Coutinho, que prometera a direção do Hospital Regional. Tyrone, venceu eleição, e Zé Célio não assumiu a direção do Hospital, ocasionando mais um rompimento.

Em 2018, Zé Célio foi candidato a Deputado Estadual, contra Lindolfo Pires, apoiado por Tyrone, e Renato Gadelha na oposição, apoiado por André Gadelha. O resultado: os três foram derrotados.  

Desde então, Dr. Zé Célio tem se mantido solo na oposição, ora na situação no Município de Sousa, claro com suas prerrogativas de bom político, cujas urnas falaram em 2022 mais uma vez para deputado estadual, 10.425 votos. Sem dúvida é um peso importante para o Grupo político do Prefeito Fábio Tyrone.

Sendo confirmada aprovação do nome de Zé Célio para compor a vice com Dr. Helder, mais uma vez, os vereadores que sonhavam com essa vaga, ficarão apenas no “suspiro” profundo.

A pergunta também que se fazem hoje nos bastidores em Sousa é: “Lindolfo aprovou, e foi ouvido sobre essa aliança?”

Tenho Dito

Pereira Jr. 

Ads 728x90

QR Code

Para ler no celular, basta apontar a câmera

Comentários

Aviso Legal:Qualquer texto publicado na internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste site ou de seus autores e é de responsabilidade dos leitores que publicam.